Menopausa

Trata-se da ocorrência da última menstruação da vida de uma mulher. É o marco da falência ovariana que significa esgotamento do número de folículos viáveis no ovário. O folículo ovariano é o precursor do óvulo e responsável pela produção de estrogênio. O estrogênio é o hormônio que dá à mulher as características femininas, mama, padrão ginecóide de distribuição de gorduras, promove o ciclo menstrual e variadas outras ações por todo o organismo feminino.  Neste momento em que, por esgotamento dos folículos, diz-se que ocorre a falência ovariana, os níveis de estrogênio caem a níveis muito inferiores aos usuais e com isso vários sintomas e alterações podem ocorrer no organismo feminino.

 

O que é o Climatério?

É caracterizado pela falência progressiva da função ovariana, é a transição entre a fase reprodutiva e a senilidade.

 

Quais são os sintomas da menopausa?

    • Fogachos
    • Prejuízo do sono
    • Infecção urinária de repetição
    • Secura vaginal
    • Dor à relação sexual
    • Diminuição da libido
    • Pele seca
    • Labilidade emocional
    • Prejuízo na função cognitiva
    • Ganho de peso – aumento de 5x a adiposidade central
    • Perda do colágeno da pele
    • Perda de massa óssea (osteoporose)
    • Aumento de doenças cardiovasculares
    • Aumento de doenças cerebrais como o Alzheimer

 

O que é Terapia Hormonal (TH) da menopausa?

Reposição de estrogênio no intuito de diminuírem os efeitos da menopausa a curto e longo prazo. Esta reposição irá prevenir, reverter ou melhorar o quadro clínico promovendo especialmente melhora da qualidade de vida.

 

Quais são os benefícios provocados pela TH?

    • Conservação do trofismo genital
    • Conservação da massa óssea
    • Alívio dos sintomas
    • Proteção cardiovascular
    • Manutenção ou melhora do bem estar geral
    • Melhora da sexualidade
    • Retardo ou prevenção de doenças degenerativas do sistema nervoso central
    • Diminuição do risco de fraturas
    • Diminuição do risco de câncer de cólon
    • Diminuição das dores

 

 TH provoca aumento de peso? 

    Não! Porém distribui a gordura no padrão feminino, ou seja, nas mamas e nos quadris e pode levar a retenção de líquido. A diminuição da atividade física e da função tireoidiana são outros fatores que contribuem com o ganho de peso nesta etapa da vida.

 

TH provoca aumento do risco de câncer de mama?

Sim, um aumento de 30%. Porém quando ocorrem são tipos menos agressivos de câncer.
Se formos comparar, entretanto, com outros fatores que levam ao aumento desse risco, encontramos, por exemplo, um aumento de chance de 150% pela presença de obesidade. Há que se pesar os riscos e benefícios baseados nas características de cada paciente e tomar a decisão individualmente.

 

Quem são as pacientes que têm contra-indicação absoluta à reposição hormonal?

  • Tromboembolismo agudo
  • Doença hepática severa em atividade
  • Carcinomas de endométrio e da mama recém tratados
  • Carcinomas de endométrio e de mama recorrentes
  • Sangramento vaginal de origem não diagnosticada
  • Porfiria

 

Fontes bibliográficas

Endocrinologia Ginecológica 2ª Edição – Lucas Viana Machado
Endocrinologia – Antônio Roberto Chacra – Capítulo 19 – Dra Dolores Pardini e Annibal Tagliaferri Sabino

Mais sobre saúde